quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Destino: Curitiba

Turistando: Curitiba


Conhecida como a Cidade Modelo, Curitiba se preocupa com inovação urbana e meio ambiente. É a cidade mais sustentável da América Latina Segundo a pesquisa da Siemens, a capital paranaense está entre as mais verdes no mundo. E você entende perfeitamente tudo isso quando visita esse lugar!


Chegamos no Aeroporto Internacional Afonso Pena, conhecido como aeroporto de Curitiba mas fica localizado em São José dos Pinhais. Do aeroporto para o centro de Curitiba, fica em torno de 18km. Uma dica muito boa pra quem está chegando por lá e não tem transfer ou táxi agendado é pegar o "bus Ligeirinho Aeroporto". É um serviço de micro-ônibus executivo de primeira linha que liga o aeroporto internacional Afonso Pena ao centro da capital. O trajeto passa por vários hotéis e pontos importantes da cidade no itinerário. O valor também é um ótimo custo benefício R$ 13,00.






Bem na saída do aeroporto há uma fila de pessoas esperando o Bus. Ele é bem confortável, espaçoso, tem ar condicionado e wifi. 


Procuramos em vários hotéis uma localização “perto de tudo” e escolhemos o Hotel Ibis Curitiba Shopping. A localização não poderia ser melhor, excelente! O hotel fica entre os bairros de Batel e Centro, bem na avenida do qual é a continuação da famosa “Avenida do Batel”. Atrás do nosso hotel fica o Shopping Curitiba. O Hotel é novo, então as instalações são ótimas. A vista é bonita e os quartos são padrões íbis. Tem o café da manhã a parte com várias opções, vale a pena. Com certeza foi uma boa escolha!


Deixamos as malas no hotel e começamos nossa viagem conhecendo o Shopping Curitiba. O shopping é muito bem localizado, tem várias lojas conhecidas e ótimos restaurantes. O shopping certo pra tudo! 


Já que estávamos no Shopping Curitiba, então,  por que não turistar na Livraria Cultura?! Gente não sei se vocês gostam, mas AMAMOS livros e essa livraria então é muito shoooow!! Se vocês gostam com certeza devem ir. Vale muito a pena conhecer. 


A gente perde a noção do tempo nesse lugar!


Almoçamos no Madero. Acostume-se a ver vários por aqui! Para quem não sabe, a rede Madero começou aqui e tem espalhados na cidade inteira. Sanduíches, pratos principais, sobremesas, tem de tudo.. Muito bom!! Você acaba viciando.



Agora partiu turistar?! Passamos a tarde conhecendo o Centro Histórico. O trajeto pode ser feito caminhando mesmo, pois tudo é muito perto. Começamos por um dos cartões postais da cidade: a Rua 24 horas. Apesar do nome, ela não é bem uma rua, na verdade é uma travessa entre as ruas Visconde de Nácar e Visconde do Rio Branco. O lugar reúne opções de café da manhã, happy hour, almoço e jantar. Abre todos os dias e cada vez mais possui lojas voltadas à alimentação. Nessa rua tem um ponto de informação ao turista onde se encontra mapas e propaganda de restaurantes e atrações. O pessoal de lá é super atencioso! 


Seguimos turistando pelo Calçadão da Rua XV de Novembro "Rua das Flores". É um espaço dedicado só para pedestres. Lá tem muitas lojas, cafés e várias atrações, como o bondinho da leitura. O calçadão é muito bonito e bem cuidado. E olhem um detalhe interessante: as flores são trocadas a cada estação do ano. 



Esta rua centenária é uma grande referência para os curitibanos pela sua importância histórica e por nela se encontrar os mais importantes prédios da cidade como: o Palácio Avenida, o Prédio Histórico da UFPR, o Teatro Guaíra, entre outros..



Outro destaque é a "Boca Maldita", que é um espaço sem área determinada que esta em volta de bancas de jornal, cafés, bancos no calçado e em frente ao Mc Donalds. É um ponto de encontro de jornalistas, esportistas, políticos e artistas. Se reúnem para discutir, criticar e comentar sobre determinados assuntos. O lema da Boca Maldita é "nada vejo, nada ouço, nada falo". Interessante esses pequenos detalhes não? Outro destaque é o Palácio Avenida é um dos mais importantes edifícios da cidade, ele é bem histórico e desde 1991 é realizado em suas janelas o tradicional espetáculo natalino com coral de crianças. 


Paramos para tomar um café na tradicional Confeitaria das Famílias. Depois continuamos turistando: Praça Tiradentesonde fica a Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Luz de Curitiba. Uma das minhas paixões são as igrejas. A arquitetura, as colunas, os vitrais, todos os detalhes são encantadores! 




Foi construída em 1668. O estilo da catedral é neogótico ou gótico romado, foi inspirado na Catedral da Sé de Barcelona/Espanha. 


Logo atrás da Catedral fica o Paço da Liberdade. Um edifício lindo para fotografar!




Que dia hein?! Turistamos bem pelo Centro Histórico de Curitiba. Depois do dia intenso "partiu" descansar para a noite. Uma dica para quem ainda tiver tempo depois do dia agitado: visite o Museu do Holocausto em Curitiba. O material exposto lá é muito interessante. Centenas de fotos, vídeos e vários objetos pessoais. Vale a pena pessoal! 

Endereço: Rua Cel. Agostinho Macedo, 248 - Bom Retiro
Para nossa primeira noite queríamos um jantar no lugar mais bonito de Curitiba. Depois de ver várias indicações decidimos jantar no Restaurante Terrazza 40. Onde fica uma das vistas mais bonitas da cidade. Que vista gente!

O restaurante fica na cobertura do Edifício Champagnat Towers. É um restaurante italiano e uruguai. Conhecido por sua gastronomia e privilégiada vista! O mais legal dele é que ao redor é todo de vidro, então o jantar fica mais perfeito com uma bela vista da cidade. 


Um destaque: a carta de vinhos é excelente! 


Endereço: Rua Padre Anchieta, 1287 - Bigorrilho

2º Dia



No nosso segundo dia começamos a turistar pelo famoso cartão postal Jardim Botânico. Logo na entrada ficamos encantadas com tanta beleza. Gente o que é tudo isso? É com certeza um dos lugares mais lindos que já vi. 



O Jardim Botânico foi inaugurado em 1991 e de lá pra cá se tornou um dos principais cartões postais de Curitiba. 



O jardim possui um estilo francês. Sua estufa da qual fica as plantas com características da floresta atlântica brasileira tem uma arquitetura peculiar, sua estrutura é metálica e estilo art-noveau da qual foi inspirada em um palácio de cristal que existiu em Londres. 





É com certeza um passeio obrigatório. Aproveite e tire váaaarias fotosss!!! 

Todos os dias funciona a partir das 6:00h. 
Endereço: Rua Eng°. OstojaRoguski, s/n°. - Jardim Botânico.


Próximo destino:  o outro lado do Jardim Botânico, a Opera de Arame. 
Fica na Pedreira Paulo Leminski. É um dos cartões postais desde 1992. 


Nele há um palco onde tem diversas apresentações de grandes artistas do mundo inteiro. 





Horário de funcionamento: 08h às 21h.


O lugar é belíssimo! 

Do outro lado da rua tem umas lojinhas. Paramos para comprar lembrancinhas da cidade.




E nos deparamos com um licor totalmente diferente... Apesar do nome inusitado “licor de merda” essa especialidade de Portugal é um licor muito bom! 


Depois disso formos para o Parque Tanguá. Um dos principais parques da cidade. É um parque em um antigo completo de pedreiras desativadas, possui uma cascata e um túnel artificial que pode ser visitado de barco ou à pé.



Seguimos turistando para o Memorial Ucraniano. Que fica dentro do Parque Tingui. Então é um passeio com dois pontos turísticos! 



É uma réplica da verdadeira igreja de São Miguel Arcanjo.



Horário de funcionamento: 10h às 18h



Parque Tingui ganhou esse nome como homenagem aos índios tinguis, que habitavam a região na época da colonização dos portugueses.


Depois de turistar por esses lindos parques de Curitiba. Decidimos parar em Santa Felicidade. Que lugar mais charmoso! Antigamente era ocupada por imigrantes principalmente italianos. Do qual se dedicavam muito à produção de queijos, vinhos e hortigranjeiros. Há uma história que parte das terras foi doada por uma senhora chamada "Dona Felicidade Borges" aos imigrantes italianos, por isso o nome Santa Felicidade. Hoje em dia o bairro Santa Felicidade possui grande parte dos melhores restaurantes da capital. 


Paramos na Adega Durigan que fica logo na entrada. Gente não deixem de ir nela!  




Logo na entrada do estacionamento tem várias esculturas, uma delas bem em cima da cascata representa Baco (o deus do vinho).



E o clima de páscoa deixou tudo mais bonito. Chocolates, coelhos, tudo por aqui se viu! 
E olha que fofura essa decoração da porta principal:



Dentro o ambiente é rústico e acolhedor. Tem vários vinhos, espumantes, sucos de uvas, queijos, petiscos, chocolates. Há degustação de bebidas e petiscos. O ambiente realmente é muito bacana! É com certeza uma parada obrigatória. Separe no mínimo uma hora nesse lugar, pois vale a pena gente.



Perdemos a noção de tempo e almoçamos tarde. Aproveitamos que já estavamos em Santa Felicidade e formos almoçar na Famiglia Fadanelli. Uma das melhores cantinas italianas da capital. É uma cantina super charmosa. E que comida maravilhosa gente! 



Endereço: Av. Manoel Ribas, 5667 - Santa Felicidade

Que dia hein?! E que pique. Nosso lema em viagens é aproveitar tudo! Mas tudo tem sua hora, depois de um dia assim descansamos um pouco no hotel. A noite formos para a rua mais agitada de Curitiba: Rua Dom José Bispo, nela fica a maioria dos restaurantes badalados. Jantamos em um restaurante lounge super descolado:  TAJ BAR



O visual é um estilo de Bali. O ambiente tem músicas lounge e temas asiáticos. Os pratos são requintados e a carta de drinks é show. O lugar ganhou o prêmio de Melhor Bar do Brasil em 2015. 

Hum.. Não deixem de experimentar um drink chamado "fruta proibida".



3º Dia

No terceiro dia começamos turistar pelo Mercado Municipal de Curitiba
É o lugar onde tem de tudo um pouco!  







De lá turistamos no Centro Histórico no Largo da Ordem. Onde aos domingos acontece a Feirinha do Largo, uma feira artesanal que funciona todos os domingos das 10h às 14h. Ao lado do Largo da Ordem fica o Memorial de Curitiba que é uma boa dica para turistar!




Gente, Curitiba tem arte até nas paredes. Você olha para o céu e se surpreende!




As construções históricas e coloridas...










Pausa para conhecer o famoso Bar do Alemão. A entrada é bem descontraída! Choquei quando entramos e vimos a estrutura desse lugar, gente dentro é enooorme!!  

O bar tem o estilo todo alemão e não é por acaso...


Almoçamos na Batel Grill. Foi o dia para experimentar o churrasco daqui. Que churrascariaaaa!!! Não é por acaso que leva a fama de ser "a melhor churrascaria de Curitiba". Gente, quem vem em Curitiba precisa experimentar esse churrasco. 

A tarde passeamos no Shopping Patio Batel.


Saindo do shopping passeamos pelos arredores e olha o que se encontra nas esquinas: flores, rosas <3 Tudo tão lindo!


Turistamos na Praça do Japão antes de voltarmos ao hotel. 
A praça é uma homenagem aos imigrantes japoneses:



A noite mereceu um brinde por essa viagem ser maravilhosa.


Depois formos novamente no Taj Bar


4º Dia:




No quarto dia pela manhã formos na Universidade Federal do Paraná



Seguimos turistando para o Shopping Estação. 
Que fica localizado dentro de uma antiga estação ferroviária. 



Nele fica o Museu Ferroviário que conta mais da história da "Estação". Há exposição de várias peças históricas e suas instalações. É um museu pequeno mas muito bonito!


Vale a pena dar uma volta ao passado. Vamos turistar?




Almoçamos no tradicional Restaurante Madalosso, que fica em Santa Felicidade. O restaurante é italiano. Possui salões enormes e são referência desde 1963. O atendimento é nota dez! E eles exageram muitoooo pra você se sair satisfeito. rs Vale muito a pena! 



O rodízio serve pratos típicos italianos, risotos e muitas massas. Tudo delicioso!



Endereço: Av. Manoel Ribas, 5875 - Santa Felicidade

A tarde turistamos na Universidade Livre do Meio Ambiente, conhecida como UniLivre. Ela fica em meio ao verde do Bosque Zaninelli. Muito show esse passeio! 


Horário de funcionamento: 8h às 18h




Depois seguimos para o Museu Oscar Niemeyer, também conhecido como o "Museu do Olho" por ser design ou pela abreviação MON. 





Desde 2002 abrigando mostras e exposições de arte moderna e contemporânea, além de sediar muitos eventos culturais e artísticos. É uma parada obrigatória!





Incrível as surpresas que existem nessa cidade!


Depois formos no Bosque do Alemão, que é um dos memoráveis cartões postais de Curitiba. Foi criado para homenagear os imigrantes alemães que se instalaram em Curitiba com suas tradições, cultura e gastronomia. O horário de funcionamento é das 8h às 18h.



Endereço: Bosque Alemão, Rua Francisco Schaffer - Vista Alegre



Uma dica pra quem tem pouco tempo e quer conhecer tudo: passear pela Linha de Turismo Curitiba. É uma linha de ônibus especiais, turístico e com dois andares que circula pela maioria dos pontos turísticos da cidade. Além de ter um sistema de áudio com explicações em vários idiomas (português, inglês e espanhol). Nas segundas-feiras não funcionam. 


O ponto inicial do passeio é a Praça Tiradentes (onde fica a Catedral Basílica da Nossa Senhora da Luz) às 9h. O preço é de R$ 37 reais com direito a 4 paradas. Mais informações pelo telefone: 33528000



E aí gente, gostaram? Espero que sim! 
Quem tiver mais dicas, pode colocar nos comentários.





5 comentários:

  1. Parabéns pelo blog. Suas fotos são incríveis!

    ResponderExcluir
  2. Adorei suas dicas. Estou ansiosa para conhecer Curitiba. Você faz consultória?

    ResponderExcluir
  3. Sensacional esse post, além de reverenciar a minha cidade natal, de fato visitou muuuuuita coisa, coisas que nem eu que sou curitibano fui inclusive. Cada palavra sua foi me remetendo a época que morava lá, e detalhes que passam despercebidos no nosso dia a dia e voce ressaltou. Parabéns, topissimo.

    ResponderExcluir
  4. Suas dicas são topissimas. Sucesso!!

    ResponderExcluir